JASC SERÃO REALIZADOS EM NOVEMBRO EM SEDES MÚLTIPLAS
03/09/2020 17:00 em JASC

 

 

A etapa estadual dos Jogos Abertos será realizada de 17 a 23 de novembro em sedes múltiplas, tendo Brusque, cidade-berço do evento ,como principal sede desta sexagésima edição. Balneário Camboriú e Rio do Sul também sediarão competições. Florianópolis, Blumenau e Timbó, cada cidade receberá uma modalidade.

 

A Fesporte definiu data e sedes para a realização dos 60os. Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), em 2020. A edição terá as competições descentralizadas, tendo como sedes os municípios de Brusque, Balneário Camboriú e Rio do Sul. Modalidades também serão disputadas em Florianópolis, Blumenau e Timbó. O evento acontecerá em novembro, do dia 17 ao 23. A confirmação foi feita pelo presidente da Fesporte, Rui Godinho da Mota, na tarde de terça-feira (1º), em uma videoconferência com representantes de federações esportivas.

 

Com a descentralização, Brusque, cidade-berço dos Jogos Abertos, sediará o maior número de modalidades. Serão dez: natação, futsal, voleibol, basquete, tênis de mesa, bolão 16, bolão 23, ciclismo, xadrez e bocha. A cidade deverá contar ainda com a instalação da Comissão Central Organizadora (CCO). Balneário Camboriú será sede de oito modalidades: triatlo, vôlei de praia, jiu jítsu, caratê, judô, taekwondo, handebol e ginástica rítmica. Rio do Sul ficará com quatro: tiro, tênis, futebol e punhobol. Em Florianópolis, acontecerá o remo; em Blumenau, a ginástica artística e, em Timbó, o atletismo.

 

Para comportar as competições em apenas sete dias, o evento contará não somente com a descentralização da sede, mas também, como já havia anunciado Godinho desde o início da pandemia, com a redução do número de atletas, de forma que as fases de disputa de cada modalidade sejam mais curtas.

 

Outro procedimento necessário para essa edição será a ausência de público, em respeito às determinação de contenção do avanço do coronavírus. Além disso, a Fesporte elaborou um protocolo sanitário junto às federações esportivas, com base nas determinações dos órgãos de saúde.  Os atletas serão submetidos ao teste tipo RT-PCR, que deverá ser realizado pelos respectivos municípios a que representam. Os testes deverão ser feitos ainda no município de origem, e os resultados emitidos com 72 horas de antecedência do embarque para os Jasc.

 

“O grande problema é a viagem do vírus de uma comunidade à outra. Então a ideia é garantir que o atleta já saia de seu município saudável, sem risco de acabar contaminando outros locais”, destacou Godinho, que salientou ainda que, em casos positivos, não há alternativa senão o WO (derrota por ausência), nos esportes individuais. Já nos coletivos, haverá afastamento de jogadores que testarem positivo.

 

A Fesporte também definiu o calendário de ações e eventos referentes aos Jasc. O cadastramento dos municípios que disputarão os Jasc deverá ser feito no período de 11 a 17 de setembro.  No mês de outubro, acontecerão as competições da etapa regional, além da estadual, que ocorrerá em novembro. O Calendário detalhado será publicado pela Fesporte.

 

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Foto: Antonio Prado/Fesporte

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!