ESTREIA COM A MÃO DIREITA
02/04/2021 15:14 em Basquete

 

 

KTO/Blumenau abre temporada com vitória sobre Vera Cruz Campinas e quebra tabu contra paulistas

 

Com uma boa atuação coletiva e noite inspirada de Cacá e Vitória Marcelino, o KTO/Blumenau abriu sua temporada na LBF 2021 com vitória. No Galegão, em Blumenau (SC), a equipe da casa bateu o Vera Cruz Campinas por 76 a 70 e de quebra conquistou o primeiro resultado positivo contra o adversário da noite.

 

Três blumenauenses tiveram ao menos 15 pontos ao fim de 40 minutos: A armadora Cacá, que retorna ao clube após três anos, foi a cestinha da vitória com 18 pontos (4 bolas de três), 4 rebotes e 3 assistências. Kawanni veio bem do banco e contribuiu com 15 pontos, recorde pessoal em 5 temporadas na LBF.

 

Mas a mais eficiente do vencedor da noite e que recebeu o Troféu GOL Linhas Aéreas de Melhor Jogadora da Partida foi a ala/pivô Vitória Marcelino, que deixou a quadra com 16 pontos (55% nas bolas de 2 pontos), 8 rebotes, 3 roubos de bola e 18 de eficiência.

 

A derrota ofuscou a grande noite de Tassia. A ala do Vera Cruz Campinas foi a cestinha mor do confronto, com 24 pontos – recorde pessoal em 9 temporadas – e 22 de eficiência. Licinara também teve boa perfomance de 17 pontos e 7 rebotes.

 

Maila adicionou 11 pontos e 8 assistências (igualou recorde pessoal de passes registrado em 2019) vinda do banco. Comprometida com 4 faltas logo no primeiro tempo, a capitã Babi teve minutagem limitada e apenas 5 pontos e 5 rebotes em 26 minutos.

 

A vitória do KTO/Blumenau foi a primeira do grupo catarinense na história do confronto. Desde 2018, o time paulista havia vencido todos os seis jogos do duelo, incluindo a série semifinal da LBF 2018.

 

 

O jogo

 

O KTO/Blumenau iniciou o duelo em alta voltagem, com Vitória, Luana e Cacá conduzindo o time a fazer 15-0 nos primeiros cinco minutos – as campineiras só abriram seu marcador com Maila, faltando 4 minutos e 53 para o fim do primeiro período.

 

O que se viu no segundo período foi o oposto. A bronca do técnico Élcio Ortiz surtiu efeito e o Vera Cruz Campinas voltou melhor e mais atento na marcação, reduzindo a eficiência da casa. Yasmim empatou o jogo pela primeira vez em 27 pontos, mas Cacá, com uma bola de três, levou Blumenau para o intervalo com cinco de frente (36×31).

 

O jogo seguiu equilibrado no terceiro período, com Blumenau mais eficiente nos arremessos, mas o Vera Cruz Campinas com maior volume de jogo, vencendo novamente a parcial por 20 a 17 e deixando a diferença total cair para apenas 2 pontos para o quarto final.

 

Tassia liderava a resistência paulista. A ala chegou a colocar as visitantes em vantagem (63×65) a menos de quatro minutos do fim, mas Campinas sofreu com as exclusões de Licinara e Monica Nascimento, com cinco faltas cada. Vinda do banco, Kawanni fez pontos importantes para o KTO/Blumenau, que retomou a dianteira para sair de quadra com o resultado positivo.

 

Próximos jogos: O KTO/Blumenau volta à quadra no domingo (4/4), quando recebe às 14 horas (horário de Brasília) o SESI Araraquara, em jogo transmitido pela TV Cultura. Já o Vera Cruz Campinas viaja para o Rio de Janeiro, onde enfrenta na próxima terça-feira, 6 de abril, a Sodiê Doces/Mesquita/LSB, na baixada fluminense – jogo às 19h30 e com transmissão da LBF LIVE na TV NSports.

 

A LBF 2021 conta com a chancela da Confederação Brasileira de Basketball e tem a Wilson como fornecedora de material esportivo oficial, a TV Cultura como emissora oficial, a GOL como companhia aérea oficial, o apoio do Comitê Brasileiro de Clubes, a parceria da Espaçolaser e o apoio via Lei de Incentivo ao Esporte de AB Concessões, Açúcar Guarani, Colorgin, Hospital Vera Cruz e Tópico.

 

por Liga de Basquete Feminino

fotos: Vitor Bett

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!